quinta-feira, 2 de abril de 2015

FIEL ATÉ O FIM



“Nada temas das coisas que hás de padecer. Eis que o diabo lançará alguns de vós na prisão, para que sejais tentados; e tereis uma tribulação de dez dias. Sê fiel até à morte, e dar-te-ei a coroa da vida.” Apocalipse 2:10


Quando o carrasco foi para trás de Jerônimo de Praga para atear fogo à pilha, o mártir lhe disse: “Venha aqui e acende-a diante dos meus olhos porque, se eu temesse essa visão, nunca teria vindo a este lugar já que tive uma oportunidade de escapar”. O fogo foi aceso, e ele então cantou um hino, que logo foi terminado pelas chamas. Algério, um mártir italiano, assim escreveu de sua prisão, um pouco antes de sua morte: “Quem acreditaria que neste calabouço eu deveria encontrar um paraíso tão agradável; em um lugar de tristeza e morte, tranquilidade, esperança e vida? Onde os outros choram, eu me alegro”. Wishart, quando estava no fogo que o removeu do mundo, exclamou: “A chama atormenta o meu corpo, mas nenhuma partícula abate o meu espírito”. 


The Sunday School Teacher: A Biblical and Education Magazine, Vol 3, 1877.
Tradução ©Editora Letras 2015




0 comentários:

Postar um comentário